Acupuntura

“A acupuntura surgiu na China cerca de 3000 anos atrás, no período da Dinastia Shang, e se desenvolveu juntamente com os vários ramos que compõem a medicina tradicional chinesa, como a herbologia, a moxabustão, a terapia alimentar, as massagens e os exercícios físico-energéticos do Chikung. Toda medicina antiga da China era pautada e elaborada dentro desses vários sistemas responsáveis pela manutenção da saúde e pela longevidade deste povo.

Para que a medicina chinesa chegasse e se desenvolvesse no Japão, um longo processo de intercambio cultural, educacional, econômico e religioso perdurou por vários séculos. Como bem se sabe, o Japão importou, tanto da China quanto da Coreia, todas as bases que formaram os alicerces socioculturais e filosofico-educacionais de seu povo, inicialmente incorporando à sua cultura desde as escritas pictográficas dos kanjis, as religiões budistas, taoístas e os conceitos filosóficos e espirituais do confucionismo, até  os sistemas médicos oriundos da China.

Da antiguidade até os dias atuais, os japonesas mostraram-se especialistas em aprimorar e desenvolver todo e qualquer conhecimento adquirido e importado de outra cultura. Na acupuntura, isto não se fez diferente e, ao longo dos séculos, os japoneses aprimoraram este conhecimento até desenvolverem sua medicina tradicional própria e em um sistema bem refinado e particular  de acupuntura.

Existem aspectos socioculturais e econômicos que diferem de forma marcante tanto o desenvolvimento quanto o estilo de ambos os sistemas de acupuntura. Ao contrario da China, que teve a acupuntura associada especialmente à herbologia e a padronizou como parte integrante do estado, disponibilizando seu acesso à população de massa, o Japão manteve sempre uma íntima relação da acupuntura com a massagem e sua atuação sempre foi voltada para o âmbito privado. Diante desses aspectos, subentende-se que no Japão a prática da acupuntura tomou um rumo bem peculiar, pois, tendo em vista o ganho monetário, o praticante japonês se viu naturalmente pressionado a desenvolver uma técnica altamente refinada e indolor e que produzisse resultados imediatos, ,para que cada centavo pago por ela fosse altamente valorizado pelos adeptos dessa arte de cura.”

Sabemos que o Oriente é Sábio e dedicado ao aperfeiçoamento de prática há promoção da qualidade de vida, física, mental e social. Esses conhecimentos encontram-se em qualquer país, seja China, Coreia, Japão, India, e muitos outros.

Atualmente há outros países  com novos métodos de aplicação de técnicas de acupunctura, como Israel, Cuba, Mexico etc.